Arquitetura de informação

O que é, e para que serve?


Arquitetura de informação é a forma de se estruturar os conteúdos do site, e torná-lo simples de navegar e gerir. A Arquitetura de Informação tem uma importância central na definição de um projecto, e deve estar claramente definida antes de se iniciar a construção do mesmo.

Existem várias formas de se organizar a informação de um website, contudo esta deve obedecer a 3 fatores primordiais:

CONTEXTO

Devemos considerar os objetivos da organização e do projeto em si. Devem ser consideradas as várias políticas da empresa, a sua cultura, tecnologia disponível e os seus recursos humanos disponíveis. Muito importante considerar as opiniões e comentários dos vários stakeholders da empresa como colaboradores, clientes, fornecedores e parceiros para que se possa definir uma arquitetura comunicacional envolvente em todos os níveis da organização.

CONTEÚDO

Deverá ser efetuado um levantamento exaustivo de todo o tipo de conteúdos que a empresa disponibiliza (on-line e off-line) procurando compreender as suas estruturas, informações a transmitir e teor da mensagem.

UTILIZADORES

Devemos considerar qual o nosso target e audiência que pretendemos atingir. Esta análise deve enquadrar inclusivamente os comportamos de procura de informação e utilização da internet dos seus utilizadores, o vocabulário usado e o grau de conhecimento sobre o seu produto/ideia/tema.

Escolha de Arquitectura de Informação


Após a correta definição das partes envolvidas no projeto, e recolha de toda a informação disponível da empresa, alcançamos o momento em que será necessário definir a forma de organização dos conteúdos do site.

Existem várias formas de hierarquia de informação desde a linear ou sequencial, hierárquica, multidimensional, matricial ou em teia, mas não existe uma regra para todos, e será necessário analisar os 3 fatores base da arquitetura de informação para podermos determinar qual a arquitetura a aplicar.

Independentemente da arquitectura a aplicar, existe alguns factores que deverão ser tomados sempre em conta, como:

1

Não usar as suas próprias preferências, e pesquisar sempre as necessidades dos seus utilizadores alvo

3

Utilizar técnicas objetivas de personificação, organização de conteúdos que permitam estabelecer regras de agrupamento de informação

2

Ter um propósito bem definido e preciso, sobre que mensagem e tipo de informação pretende passar com o seu website

4

Ser consistente

Ao efetuarmos as considerações acima descritas, iremos encontrar a melhor forma de estruturar a informação do seu website, permitindo que o trabalho criativo seja suportado e consistente.

Em baixo deixamos uma estrutura simples abordando as conclusões obtidas após o estudo de arquitetura de informação: